Tratamentos Implantes Dentários

O que é ?

Quando se perde um ou mais dentes, por qualquer motivo que seja o implante é considerado a melhor e mais segura técnica para reposição do dente perdido. Através deste, os pacientes que perderam seus dentes podem ter as funções mastigatórias e fonéticas restauradas, assim como o reestabelecimento da estética do sorriso. Com as funções restabelecidas o pacientes tem seu também seu e o bem-estar social, físico e psicológico devolvido.

Um implante dentário é uma estrutura feita de titânio que é posicionada cirurgicamente no osso que permite ao dentista montar dentes substitutos ou pontes sobre esse pilar

A função dessa estrutura é repor a raiz dos dentes perdidos, assim uma prótese construída sobre implante tem a vantagem de repor todas as partes perdidas do dente tanto a raiz como a coroa e por isso é considerada como padrão ouro para reabilitação oral. Ao redor do pino de titânio, ocorre a osseointegração que é caracterizada pela formação de tecido ósseo em volta do implante e sua união ao osso.

Essa técnica também beneficia a saúde bucal em geral, porque evita desgastar dentes adjacentes e no caso dos pacientes desdentados totais, permite a retenção e fixação de suas próteses.

Antes de fazer qualquer tratamento seu implantodontista fará uma avaliação da sua condição bucal e da sua saúde geral para planejar cuidadosamente o tratamento. Nessa avaliação consta:

1. Avaliação de saúde geral detalhada deve ser feita e todos os medicamentos, alergias e possíveis problemas de saúde devem ser esclarecidos nessa ocasião, pois algumas doenças ou medicamentos podem interferir no processo cirúrgico ou de cicatrização. Se necessário seu dentista pedirá uma avaliação do medico que lhe acompanha.
2. Exames radiográficos e tomográficos são necessários para avaliar a quantidade e qualidade do osso e a melhor localização do implante.
3. Exames de sangue: ajudam a ver a condição de saúde geral.
4. Avaliação cardiológica dependendo da idade e condição de saúde do paciente pode-se fazer necessário esse teste

A colocação do implante dentário é feita sob anestesia local ou sedação e não dói. No caso de um implante a cirurgia demora menos de 1 hora. As dores pós-cirúrgicas são mínimas e facilmente debeladas por analgésico de venda livre. Se for necessários todas as medicações serão prescritas nas consultas que antecedem a cirurgia.

O grande diferencial do hospital Jório da Escóssia é que possuímos um centro cirúrgico equipado onde são realizadas as fases cirúrgicas e o paciente tem a opção de sedação realizada por médico anestesista trazendo muito mais conforto, comodidade e segurança para os nossos clientes. Esse padrão de qualidade é estabelecido por nós para maior controle de infecção e maior segurança do paciente.

Em condições normais, um implante dentário pode durar cerca de 10 a 20 anos, no entanto condições do paciente como doenças prévias como diabetes e o cigarro além das condições da boca do paciente podem influenciar muito o sucesso do tratamento.

Após cerca de 3 meses após o procedimento de colocação do pino faz-se uma pequena abertura na gengiva para expor o implante e depois disso é possível começar a construir a prótese sobre o implante. No nosso hospital todos os casos são planejados cuidadosamente para que mesmo durante esse período de 3 meses o paciente não fique sem dentes. Assim nesse intervalo de espera pela osseointegração o paciente usa uma prótese provisória.

Como é feitoo tratamento?

CARGA IMEDIATA SOBRE IMPLANTE

Segundo o Dr. Jório da Escóssia Junior, as principais novidades na implantodontia são os implantes de carga imediata (tanto de maxilar quanto de mandíbula) e os enxertos ósseos

“Essas novas técnicas conseguem abreviar o incômodo recorrente no pós-operatório, assim como propicia uma grande vantagem de em 72 horas o paciente já estar com uma prótese fixa” – Dr. Jório da Escóssia Junior.

A utilização de biomateriais para enxertos tem se intensificado fortemente na Odontologia, proporcionando assim uma aparência mais natural a estética dental dos nossos pacientes por um custo beneficio relativamente baixo. Essa é outra grande vantagem da tecnologia atual que você pode checar na sessão sobre engenharia genética.

O que é enxerto ósseo?
Quando os dentes são perdidos ocorre a reabsorção da estrutura óssea insto é, a estrutura óssea não possui altura ou espessura suficientes para a instalação dos implantes dentários, nesse caso enxerto ósseo é recomendado. O Hospital Jório da Escóssia possui as mais avançadas técnicas para reposição da estrutura óssea perdida através da engenharia genética, sem a necessidade de remoção de osso de outra parte do corpo do paciente. Para saber mais veja a nossa sessão sobre engenharia genética.

Responsáveis pelo Tratamento

Dr. Jório da Escóssia Júnior

Dr. Jório da Escóssia Júnior

Saiba mais

Outros Tratamentos