Tratamentos Endodontia com Tratamento de Canal

O que é ?

Endodontia

A Endodontia é o ramo da Odontologia responsável pelo estudo da saúde da polpa dentária e de todo o sistema de canais radiculares. Em casos de alterações por cárie, fraturas dentárias, trauma oclusal, lesões endo-periodontais e muitas outras patologias endodônticas, o tratamento endodôntico (tratamento de canal) está indicado visando a manutenção da saúde dos tecidos periapicais.

O que é um endodontista?

É o especialista na realização do tratamento de canal. Após a graduação em Odontologia, este profissional investe aproximadamente dois anos em treinamento específico intensivo, realizado em curso de especialização aprovado pelo CFO (Conselho Federal de Odontologia), órgão regulamentador da profissão no Brasil. Normalmente este profissional está mais bem preparado para tratar o paciente de forma eficaz, segura e indolor.

Tratamento de Canal

Quando existe a necessidade do tratamento endodôntico?

A polpa é considerada a parte viva do dente por isso responsável pela dor. Quando a polpa entra em um processo degeneração é necessário intervir e fazer o que os dentista chamam de tratamento endontico ou tratemento de canal para evitar a perda dentária total.

A dor ou morte irreversível da polpa pode ser causado por fatores irritantes como cárie, traumatismos dentários, trauma oclusal (na mastigação), problemas endo-periodontais, grandes restaurações, desgaste dentário sem refrigeração, etc.

Em algumas situações, quando o desgaste dentário necessário para uma restauração protética é muito grande, também pode haver a necessidade do tratamento endodôntico, mesmo que a polpa até aquele momento esteja sadia.

O tratamento de canal é dolorido?

Técnicas adequadas de anestesia local podem propiciar tratamento indolor na maioria dos casos.
As Técnicas de tratamento endontontico evoluíram bastante e hoje em dia nossos endodontistas utilizam as ultimas tecnologias que são os localizadores apicais que ajudam a medir o tamanho do dente evitando dor e radiografias desnecessárias, pois localizam eletronicamente o tamanho do dente e auxiliam na escolham do instrumento.

Outra grande evolução no procedimento forma os instrumentos rotatórios que causaram uma revolução na endodontia, permitindo a realização do tratamento de canais radiculares de maneira mais eficaz, rápida, segura e, acima de tudo, com qualidade.

Após o tratamento, pode ser necessário prescrever analgésicos de uso comum. Raramente se faz necessário a prescrição de drogas mais potentes.

O tratamento de canal é caro?

De forma alguma. O tratamento de canal possui uma vida útil muito mais longa e com um custo bem menor, se compararmos com o que é gasto, por exemplo, no tratamento para a reposição protética de um dente totalmente comprometido.

 

Responsáveis pelo Tratamento

Dr. Eduardo Gurgel

Dr. Eduardo Gurgel

Saiba mais

Outros Tratamentos